Faca de dois legumes

“A Rua Direita não tem problemas de estacionamento. As pessoas é que têm.” (...)“Há transversais lá separadas por menos de 100 metros entre si com lugar para parar. As pessoas querem carro ao pé da porta e não pode ser”

Afirmação de coragem, sem dúvida, essa de Ricardo Silva, que saiu hoje no Açoriano Oriental.



Ups! Um passado muito pesado esse dos mais de 60.000€ e quatro argolas unidas dos senhores August Horch e Müller Slytherin!

1 comentário:

Paulo César disse...

Transversais essas com estacionamento mínimo que não poderá dar vazão ao que era o antigo estacionamento na Rua Direita. E não, ninguém vai querer parar no vazio "Parque da Polícia"